O Real Madrid protagonizou uma virada histórica contra o Bayern e agora está na busca pela sua 15ª Champions

 

Ancelotti lidera equipe em virada épica no Bernabéu, com dois gols de Joselu nos minutos finais. Agora, enfrentarão o Borussia Dortmund na final.

Para descartar o Real Madrid na Champions League, é necessário aguardar o último apito. No embate de quarta-feira (8) no Estádio Santiago Bernabéu, a equipe espanhola demonstrou mais uma vez sua resiliência no torneio de clubes mais prestigiado do mundo. Sob a liderança de Carlo Ancelotti, o time estava perdendo por 1 a 0 contra o Bayern de Munique até os 43 minutos do segundo tempo, quando Joselu, o atacante contestado, mudou o jogo. Com dois gols em apenas três minutos, o Real Madrid conquistou uma virada épica na Champions, garantindo sua vaga na final. Na decisão inédita, o clube, detentor de 14 títulos europeus, enfrentará o Borussia Dortmund. O confronto entre espanhóis e alemães está marcado para o próximo dia 1º de junho, no Estádio Wembley, em Londres. O Dortmund, que busca seu segundo título, chega à final pela primeira vez em 11 anos.


Veja notas de Real Madrid 2 x 1 Bayern de Munique



Ancelotti pode levar terceira Champions pelo Real

Ancelotti, que conduziu o Real Madrid à vitória nas temporadas 2013/2014 e 2021/2022, terá a chance de conquistar sua terceira taça pelo clube. Anteriormente, ele também foi campeão duas vezes com o Milan (2002/2003 e 2006/2007).

Até os momentos finais do confronto desta quarta-feira, o goleiro Manuel Neuer estava sendo o herói da classificação do Bayern à final. Com defesas impressionantes, incluindo um desvio em um chute de Vinicius Júnior que quase resultou em gol, o arqueiro de 38 anos estava brilhando em campo.

Enquanto Neuer mantinha a meta alemã invicta, Alphonso Davies colocou os bávaros em vantagem aos 23 minutos do segundo tempo com um golaço. Recebendo a bola na ponta esquerda, o canadense cortou para o meio e finalizou com precisão no ângulo, sem chances para Lunin.


 Neuer: de intransponível a “vilão”

O Bayern resistia aos ataques do Real Madrid, e Neuer parecia impenetrável. No entanto, aos 43 minutos, em um chute aparentemente inofensivo de Vini Jr, o goleiro não conseguiu segurar a bola e, de forma semelhante à falha de Oliver Kahn na final da Copa do Mundo de 2002, permitiu que Joselu, que acabara de sair do banco de reservas, empatasse o jogo.

Em seguida, em outro avanço dos anfitriões, Rüdiger recebeu um passe na esquerda da área e fez um cruzamento para o meio. Novamente, Joselu apareceu para desviar e garantir a vitória para o Real Madrid, que avança para sua 18ª final de Champions League.

Em Wembley, o Borussia Dortmund buscará o raro feito de enfrentar o Real em uma final europeia e sair vitorioso. No entanto, para superar os espanhóis, não será suficiente ter uma boa vantagem nos minutos finais do jogo. Será necessário assegurar que, após o apito final, o Real não tenha a menor chance de se recuperar.


Estatísticas de Real Madrid x Bayern de Munique














Fonte
CNN


Postar um comentário

0 Comentários