Mais De 80% Dos Usuários De Aplicativos De Paquera Buscam Por Relacionamentos Casuais

 Levantamento é do Second Love, que também registrou crescimento anual de 10% no número de usuários

São Paulo, setembro de 2023 — Levantamento do Second Lovesite de namoro exclusivo para quem procura relacionamentos românticos além de seu parceiro atual, mostra que a pandemia marcou o início de uma nova fase para o namoro online. Naquele período, os usuários começaram a se sentir mais confortáveis com a vida digital e, por isso,  os aplicativos de relacionamentos se popularizaram, seja para buscar um par ou um amante. Em todos eles, houve crescimento no número de acessos.

Segundo Anabella Santos, porta-voz da Second Love, as pessoas usam filtros para conhecer pontualmente aqueles que acreditam serem compatíveis de acordo com os parâmetros de dados biométricos. “Dessa maneira, os usuários têm mais informações sobre as pessoas com as que estão mantendo contato”, explica Santos. Outro ponto é a possibilidade de conversar com mais pessoas ao mesmo tempo, aumentando as chances de encontrar o par ideal. 

Segundo a porta-voz, é importante que diante da grande oferta de aplicativos, eles sejam cada vez mais claros com relação ao público que querem contemplar e que ofereçam continuamente novas e inovadoras ferramentas. “Em um futuro próximo a tecnologia descobrirá cada vez mais coincidências entre os usuários, indicando a compatibilidade com mais precisão”, sinaliza Santos.

 

Crescimento 

De acordo com uma pesquisa da Sensor Tower Data, nos EUA, em janeiro de 2022, o uso dos aplicativos de relacionamento teve um crescimento médio de 17% em comparação com os anos anteriores. Alguns desses aplicativos até quadruplicaram sua base de usuários nesse mesmo período.

Em referência às mudanças nos hábitos dos usuários de aplicativos de relacionamento, Anabella acrescenta: “De 2020 em diante, o Second Love Colômbia recebeu 10% a mais de inscritos por ano e a razão principal para isso foi a sensação de isolamento e de desconexão com o mundo provocada por conta da pandemia”.

Os dados do Second Love também mostram que 82% dos usuários assumem que buscam relacionamentos casuais, menos comprometimento e que atualizam seus perfis com uma frequência 15% maior. “As paqueras online se transformam em encontros amorosos, com destaque para relacionamentos abertos e poliamorosos. Hoje as conversas são 25% mais longas do que antes da pandemia e a maioria se conecta com duas ou mais pessoas online ao mesmo tempo. Tudo é mais fluido e com menos comprometimento”, finaliza Anabella.

 




Autores
Ygor Jegorow

Retirado: Press Manager


Postar um comentário

0 Comentários