Após Dois Anos Desde O Seu Lançamento, O Pix Supera O Cartão De Débito Como Modalidade De Pagamento

O Pix trouxe uma redução significativa nos custos em comparação com a época em que os cartões eram a principal forma de pagamento

Carlos Eduardo Brandt, Chefe da Gerência de Gestão e Operação do Pix, enfatizou a rápida adoção do Pix no Brasil, destacando que o sistema de pagamentos instantâneos desenvolvido pelo Banco Central superou, em apenas dois anos, o número de transações registradas nos cartões de débito.

Brandt sublinhou a velocidade do Pix como meio de pagamento, afirmando que ele ultrapassou mais que o dobro das transações dos cartões de débito em um curto período de operação. Ele expressou satisfação em relação ao alcance dos objetivos públicos do Pix, destacando seu papel na redução de custos para a economia em comparação com a era em que os cartões dominavam os meios de pagamento.

Além disso, Brandt participou como painelista em uma conferência nos Estados Unidos que reuniu representantes de bancos centrais de todo o mundo para discutir sistemas de pagamento e moedas digitais. Ele ressaltou que o Pix também contribuiu para o desenvolvimento de novas tecnologias e a inclusão de pessoas que anteriormente não tinham acesso aos meios digitais de pagamento. 




Fonte
55invest


Postar um comentário

0 Comentários